ONG Oceânica desenvolve aplicativo para ajudar a monitorar o aparecimento de manchas de óleo no litoral nordestino

6 de novembro de 2019

Por Impacta Nordeste
Com informações da Agência EcoNordeste


As manchas de petróleo que continuam aparecendo nas praias do Nordeste permanecem sem explicações e sem uma solução prática por parte do poder público, e com o crescente número de voluntários, ONGs e demais instituições atuando em conjunto na limpeza do óleo, há urgência em criar estratégias que possam facilitar esse processo. 

Pensando nisso, a ONG Oceânica, localizada no Rio Grande do Norte, acaba de lançar o aplicativo Mar Limpo, cujo objetivo é fazer o monitoramento dessas manchas de óleo. O aplicativo está em fase de testes, mas já pode ser baixado nas lojas digitais Google Play e App Store. 

O aplicativo irá funcionar como um espaço colaborativo onde qualquer pessoa poderá cadastrar informações sobre os resíduos de óleo encontrados.

Será um canal de comunicação entre os usuários para indicar os locais que estão em estado de alerta e, dessa forma, chamar a atenção dos órgãos responsáveis em criar ações efetivas para conter o avanço do petróleo no litoral. A solução também tem o propósito de monitorar o acumulo de lixo nas praias de uma maneira geral.

A coleta destes dados é feita da seguinte maneira: os usuários enviam fotos das regiões atingidas e, no espaço dedicado para comentários, adicionam informações complementares, como a quantidade e tamanho das manchas encontradas e a origem destes resíduos. 

“Quando muitas pessoas usam em diversos lugares e colaboram com o monitoramento, fica mais rápido gerar a informação, o esforço compartilhado diminui para cada um, o custo é muito menor para gerar informação, amplia a área de abrangência e os resultados chegam aos gestores mais rápido do que os métodos convencionais.”, explica Mauro Lima, coordenador do Projeto Mar Limpo, em entrevista para a Eco Nordeste.

Só no Rio Grande do Norte já foram registrados 18 pontos atingidos pelo óleo. Segundo Mauro Lima, o aplicativo Mar Limpo será utilizado pelo Idema no Comitê Central de Gerenciamento Estadual da Crise, composto ainda pela Defesa Civil, Marinha do Brasil, Ibama, Subsecretaria de Pesca, Comitês de Bacia e representantes de organizações da sociedade civil, para discutir e articular medidas efetivas que possam reduzir o impacto ao meio ambiente causado pelo derramamento do óleo.

Sobre a ONG Oceânica

Fundada em agosto de 2002, a Oceânica é formada pela união de pessoas que defendem a conservação dos ambientes costeiros marinhos brasileiros. A ONG tem como missão integrar pesquisa científica, educação e propostas de conservação do meio ambiente, feito em parceria com moradores de comunidades litorâneas, instituições de ensino e órgãos públicos.

A Oceânica está localizada na Rua Praia Rio do Fogo, 9111A, Ponta Negra, Natal, Rio Grande do Norte. Para conhecer mais sobre o projeto, acesse a página oficial no Facebook.

Quer conhecer mais sobre outros projetos sociais pelo Nordeste? Clique aqui e veja o mapeamento de ONGs aqui no Portal Impacta Nordeste!