Conheça os ganhadores do Social Hack promovido pelo Sebrae RN

29 de junho de 2020

Por Impacta Nordeste


O Social Hack, competição de ideias e soluções inovadoras de impacto social promovida pelo Sebrae RN, chegou ao fim no último dia 21 de junho. A maratona (ou hackathon) aconteceu de forma 100% online e mobilizou centenas de estudantes universitários de todo o país.

O evento contou com mais de 700 inscritos que se organizaram em 90 equipes, e receberam 200 sessões de mentoria online com a ajuda de 40 mentores.

Os times criaram soluções ou ideia de negócio de impacto alinhadas para os seguintes ODS:

  • ODS 1 (Erradicação da pobreza);
  • ODS 2 (Fome Zero e Agricultura Sustentável);
  • ODS 8 (Trabalho decente e Crescimento Econômico);
  • ODS 10 (Redução das desigualdades);
  • ODS 13 (Ação contra a mudança global do clima);

Confira abaixo as equipes ganhadoras!

Primeiro colocado: Equipe Corpo e Alga

A BioFocus, solução criada pela a equipe Corpo e Alga, é um BioGel à base da algas, pronto para o consumo e formulado para suprir os nutrientes necessários para uma dieta equilibrada de baixo custo. Seu tamanho e formulação gelatinosa, onde é possível inclusive comer a embalagem fabricada de ágar, é ideal para necessidades especiais ou pessoas com a vida agitada.

Segundo colocado: Equipe Feianos

A Agro na Periferia, solução desenvolvida pela a equipe Feianos, busca implementar áreas de plantio vertical nas periferias ou comunidades locais. Por meio de uma estrutura de produção de alimentos adaptada para as condições específicas, serão produzidos alimentos de alta qualidade para serem revendidos ou consumidos. O projeto tem o objetivo de qualificar profissionalmente as pessoas, especialmente mulheres, gerar renda fixa e promover a consciência ambiental.

Terceiro colocado: Mapaguar/UFERSA

A solução Mapaguar é uma ração alimentar animal a ser comercializada para vendedores de casas de ração bovina e as cooperativas de produtores rurais. Tem como diferencial ser um produto fabricado do beneficiamento de resíduos da agroindústria da cana-de-açúcar, com potencial para diminuir a pegada hídrica em até 2% da carne bovina e dobrar o aumento diário do peso do animal.

O Impacta Nordeste parabeniza todos os participantes pelo empenho e as ótimas soluções apresentadas!


Gostou do nosso site? Siga o Impacta Nordeste, assine a nossa newsletter e compartilhe com os amigos!