Magalu cria programa para apoiar organizações que combatem a violência contra a mulher

3 de setembro de 2020

Por Impacta Nordeste


Iniciativa criada pela Magazine Luíza tem como missão ampliar o impacto de OSCs de todo o Brasil que possuem ações voltadas para combater a violência contra a mulher e suas consequências.

Segundo o Mapa da Violência desenvolvido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgado em 2016, a cada 17 minutos, uma mulher sofre algum tipo de agressão. Com o isolamento social provocado pela pandemia do coronavírus, os número de feminicídios cresceu 22%. Um dado chocante para um país que já amarga a 5° posição no ranking mundial de feminicídio.

Para ajudar tantas mulheres que sofrem diariamente com violência doméstica, a Magazine Luíza acaba de lançar o Programa MAGALU de Combate à Violência Contra a Mulher, um projeto voltado para o combate à violência contra a mulher, onde serão destinados cerca de R$ 2,5 milhões em doações para OSCs de todo o país a fim de fomentar, qualificar e/ou reconhecer os serviços prestados para as mulheres vítimas de algum tipo de violência (física, psicológica, patrimonial, sexual, etc).

As ações desenvolvidas pelas OSCs serão avaliadas de acordo com seu alcance geográfico (comunitária, regional ou nacional), e que estejam inseridas em uma das três temáticas definidas pelo programa: acesso à justiça, apoio à saúde mental e geração de renda. Com isso, o Programa Magalu de Combate à Violência contra a Mulher espera ajudar até 15 instituições de todo o país.

A iniciativa conta como parceiros a Editora Mol e a plataforma Prosas. Já a seleção das organizações será acompanhada Magazine Luíza pelo comitê dedicado à atuação filantrópica da empresa.

As inscrições seguem até o dia 23/09. Para saber mais informações e o regulamento sobre o Programa Magalu de Combate à Violência contra a Mulher, clique aqui e acesse o site oficial.

Gostou do nosso site? Siga o Impacta Nordeste, assine a nossa newsletter e compartilhe com os amigos!