OportunidadesSustentabilidade

Auren Energia lança Edital Movimento Sustentável

1 mins de leitura

Iniciativa oferece R$ 50.000,00 para três projetos inovadores que promovam o desenvolvimento sustentável em suas áreas de influência. As inscrições estão abertas até 22 de julho.

A Auren Energia anunciou o lançamento do Edital Movimento Sustentável, que tem como objetivo selecionar três propostas inovadoras que promovam o desenvolvimento sustentável nas áreas de influência direta e indireta dos empreendimentos operados ou em implantação pela empresa. Cada uma das propostas selecionadas receberá um recurso semente de R$ 50.000,00.

Podem participar do edital Organizações da Sociedade Civil ou Empresas Privadas nacionais que estejam legalmente constituídas e tenham razão social compatível com o objeto do projeto proposto. Além disso, é necessário comprovar histórico de inovação ou estar em fase de prototipagem, ou ganho de escala, e propor projetos para áreas de influência direta e indireta dos empreendimentos da Auren Energia, ainda que a sede esteja localizada em outros territórios.

As propostas devem estar alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nas áreas de educação de qualidade (ODS 4), água potável e saneamento (ODS 6), consumo e produção sustentáveis (ODS 12) e ação contra a mudança global do clima (ODS 13). Também é importante que as propostas foquem em tecnologias aplicáveis aos biomas Caatinga, Cerrado e Mata Atlântica, valorizando e potencializando soluções sociais para a conscientização, preservação e uso consciente dos bens naturais.

O processo seletivo será realizado em fases. A primeira fase é a inscrição, que pode ser feita até o dia 22 de julho na plataforma Monitor Social. Em seguida, 20 projetos serão convidados para a próxima fase, onde passarão pela análise da Comissão Organizadora da Auren Energia, que selecionará 6 projetos para a fase de aceleração. Os 6 projetos finalistas participarão de formações e criação de planos de ação. Por fim, haverá um pitch de planos de ação, onde serão selecionados os 3 projetos contemplados.

Os projetos serão avaliados com base nos critérios de sustentabilidade, replicabilidade, diversidade, conhecimento do território, aplicação no contexto do território, solidez da proponente e impacto socioambiental potencial da solução.

As inscrições podem ser feitas até o dia 22 de julho na plataforma Monitor Social. Para saber mais e se inscrever, clique aqui.