Fundação Tide Setubal e Benfeitoria lançam programa matchfunding; objetivo é injetar até R$ 1 mi nas periferias brasileiras

23 de outubro de 2019

Foto: Divulgação

Atenção, empresas, ONGs e empreendedores sociais! A Fundação Tite Setubal, em parceria com a plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria, acaba de abrir edital para inscrições de projetos voltados para periferias urbanas de todo o Brasil: o Matchfunding Enfrente.

(A Benfeitoria é parceira do Impacta Nordeste. Clique aqui para conferir todas as campanhas de financiamento coletivo da região disponíveis na plataforma!)

De acordo com a socióloga Neca Setubal, presidente da Fundação, um dos objetivos do Matchfunding é destinar recursos para projetos inovadores idealizados pela própria comunidade pois são locais com grande potencial, mas com pouca visibilidade. A instituição promove ações de desenvolvimento nas periferias brasileiras há 14 anos.

“Buscamos descentralizar os recursos para além do Rio, São Paulo e Minas. Queremos olhar também para o Norte, Nordeste, Sul e Centro-Oeste”, completa Neca Setubal.

O edital vai contemplar atividades que tenham como objetivo a promoção do desenvolvimento sustentável nas periferias e o enfrentamento das desigualdades socioespaciais.

O que é Matchfunding?

O Matchfunding, também conhecido como Financiamento Misto, nada mais é do que um modelo de financiamento coletivo, neste caso, criado por empresas ou instituições. 

A diferença está na forma como o dinheiro será arrecadado: parte do valor vem da doação de pessoas físicas (sociedade civil) e a outra parte vem da própria empresa ou instituição idealizadora do financiamento e de outros parceiros. Com o Matchfunding, a campanha é finalizada mais rapidamente e, assim, o projeto tem maiores chances de ser realizado.

Entenda como funciona o Matchfunding Enfrente

  • No site da Benfeitoria, os interessados podem preencher o formulário disponível com informações sobre seu projeto;
  • Os projetos selecionados vão receber consultoria da Benfeitoria e R$ 2 mil para iniciar uma campanha própria de financiamento coletivo cuja meta será de R$ 10 mil;
  • Para cada R$ 1 arrecadado, a Fundação vai destinar + R$ 2 no Matchfunding, podendo chegar até R$ 30 mil para cada projeto contemplado no edital. A Fundação também irá arcar com os custos de divulgação do campanha;
  • Critérios utilizados para avaliação dos projetos: Inovação, Impacto, Perenidade, Custo-Benefício, além de Representatividade.
  • Podem participar pessoas físicas, jurídicas e coletivos com ou sem fins lucrativos que tenham capacidade comprovada para atuar nas periferias nos centros urbanos.
  • A Fundação Tide Setubal também sairá em busca de apoio entre investidores sociais de sua própria rede que tenham interesse em apoiar os projetos selecionados.
  • Se o projeto conseguir atingir 100% ou mais da meta esperada, o idealizador recebe todo o dinheiro arrecadado e entrega as devidas recompensas para quem colaborou com o financiamento.

Segundo informações da plataforma, a expectativa é a de que o programa colaborativo movimente até R$ 1 milhão (R$ 600 mil do fundo de Matchfunding + R$ 300 mil do financiamento coletivo e + R$ 100 mil de verba de preparação) que serão distribuídos entre diversos projetos sociais nas comunidades periféricas em todo o país. Os projetos vencedores deverão ser lançados em até 4 meses após recebimento dos recursos.

Lembrando que empresas e coletivos de todo o Brasil podem participar. As inscrições vão até o dia 15 de dezembro. Para maiores informações sobre o Matchfunding Enfrente, acesse o site da Benfeitoria.