NegóciosOportunidades

Quintessa lança iniciativa para conectar empresas a startups de impacto

2 mins de leitura

A Plataforma Negócios pelo Futuro quer incentivar grandes empresas a adotarem práticas ESG a partir de soluções inovadoras desenvolvidas por negócios de impacto.

Cada vez mais se fala no termo ESG, uma tendência que veio para ficar. O termo, que traduzido do inglês significa Governança Ambiental, Social e Corporativa, refere-se aos três fatores centrais na medição da sustentabilidade e do impacto social de um investimento em uma empresa ou negócio. No mercado, a análise desses critérios ganha cada vez mais força e pode ajudar a determinar melhor o desempenho financeiro futuro das empresas.

Outro conceito que tem crescido é a inovação aberta, que são ideias, pensamentos, processos e pesquisas abertos, a fim de melhorar o desenvolvimento de produtos de indústrias e organizações para prover melhores serviços para seus clientes, aumentar a eficiência e reforçar o valor agregado. Ou seja, a inovação aberta assume que as organizações podem e devem usar ideias internas e externas para desenvolver melhorias em seus produtos e/ou processos. O tema já foi abordado no Impacta Nordeste e é considerado um caminho que pode trazer rapidez e eficácia para esta transformação empresarial.

Por isso, o Quintessa quer ajudar grandes empresas a se conectarem com startups de impacto para que, por meio de parcerias e contratações de suas soluções, impulsionem a adoção de práticas ESG em suas operações. 

Por meio da Plataforma Negócios pelo Futuro a organização está convidando empresas e empreendedores a colocar em prática uma nova forma de fazer negócios, mais perene para o meio-ambiente, a sociedade e as próprias empresas, ao mesmo tempo em que resolve desafios do negócio e captura novas oportunidades de atuação.

O programa fará a curadoria e a conexão de startups de impacto que tenham soluções para diferentes desafios ESG das empresas. As soluções são dividas em três áreas:

  • E (Ambiental) – Exemplos: Gestão de resíduos; Fontes de energia renovável; Redução de desperdício; Eficiência hídrica; Redução de emissão de carbono;
  • S (Social) – Exemplos: Promoção de diversidade e inclusão no time; Suporte a fornecedores; Promoção de saúde; Promoção à educação dos colaboradores.
  • G (Governança) – Exemplos: Avaliação de impacto; Certificação; Combate à corrupção; Transparência e prestação de contas.

As empresas podem fazer parte por meio de três categorias: participante, apoiadora e patrocinadora.

As apoiadoras e patrocinadoras participarão da definição dos desafios prioritários dentro dos três pilares, da seleção das startups e dos três eventos, compostos por apresentações de pitchs das startups, banca, e realização de speed dating com os empreendedores das startups, em encontros individuais para conexão direta, de forma que firmem parcerias e gerem valor mútuo. Além disso, terão sua marca posicionada durante toda a divulgação dos Eventos.

As inscrições para apoiadores e patrocinadores vão até 18/04. Para saber mais, acesse o site oficial da Plataforma Negócios Pelo Futuro.

Assine nossa neswletter